Quando ELE Vai Embora

Terminar um relacionamento é sempre doloroso. Não importa quem tenha tomado a decisão, evitar o sofrimento é em vão. Realmente essa não é uma tarefa fácil, ela pede coragem, ela pede que coloquemos um novo significado para muitas coisas em nossas vidas. A dor é comum, fechar ciclos nunca é tarefa fácil, mas é necessário, pois tomar a decisão de seguir em frente nos abre espaço para novas experiências. Mas e quando não conseguimos superar o término da relação? E quando esse sofrimento ultrapassa os limites e nos paralisa num momento da vida onde as coisas parecem não fazer mais sentido sem a presença do ex-parceiro? Uma das principais indicações que estamos tendo dificuldades em superar esse momento é quando nossos pensamentos são invadidos na maior parte do tempo por lembranças e questionamentos sobre essa relação.

cora_o_partido

Pode não parecer, mas os nossos pensamentos influenciam muito na forma em que vamos lidar com o término de uma relação. Muitas vezes deixamos que pensamentos sabotadores nos aprisionem e nos dificultem seguir em frente. Por isso hoje, gostaria de te convidar à uma reflexão sobre o que tem pensado e como isso pode estar intensificando a sua dor. Vamos lá?

“Não sou nada sem ele”

Muitas vezes quando estamos num relacionamento temos a crença de que “eu e ele somos um”, esse tipo de romantização das relações muitas vezes nos coloca em grande confusão. Então se um casal é uma figura única, quando a relação acaba, o que fica? O Vazio! E esse vazio só pode ser preenchido por você mesma, por sua essência. Ninguém é capaz de nos completar, só nós temos esse poder, se Empodere de Você Mesma! Nós mulheres precisamos de uma vez por todas entender que relacionamento amoroso não é sinônimo de nos complementar, de nos trazer sentido. NÃO! Isso só Você tem o poder de fazer por você mesma. O relacionamento é Parte do que somos. Que tal confrontar esse pensamento de que “Não Sou Nada Sem Ele” pelo pensamento “Ele fazia parte de algo que não me pertence mais”.

“Minha vida não tem mais sentido sem ele”

Quando pensamos assim muito provavelmente estamos nos recusando a voltar à nossa vida pessoal. Dependendo de como nos colocamos nesse relacionamento, acabamos deixando de produzir como uma pessoa singular, vivenciando as experiências apenas pela ótica do casal. Então, quando nos percebemos sem essa relação para nos guiar, nossa vida parece ter perdido a graça. Mas na verdade, será que não fomos nós mesmas que deixamos de investir em nossa vida pessoal? Que tal confrontar esse pensamento de que sua vida não tem mais sentido sem o ex, encontrando sentido nas coisas que são importantes para Você como Mulher? Você pode estar pensando, mas no momento não tem nada importante para mim. Então se lembre do que fazia antes desse relacionamento: o que gostava de fazer? O que te dava prazer? Busque Sentido em Você Mesma! Quando nossa vida pessoal é produtiva, quando investimos em nós mesmas, é muito mais fácil superar um término de relação, porque encontramos prazer em várias outras coisas e não só em estar com o parceiro. E aí, o que você pode fazer para começar a encontrar sentido em você mesma?

“Sempre vai ser assim, quando encontrar outro parceiro será a mesma coisa”

Bom, as coisas só se repetem se você não mudar. Você pode estar pensando: “mas foi ele que errou comigo”. Ele pode verdadeiramente ter pisado na bola, mas não podemos deixar de lado nossa responsabilidade do que acontece em nossa vida. Nós somos responsáveis por nossos caminhos, por permitir ou não certas coisas e por nos mantermos ou não numa relação. Se você não mudar hoje, quando entrar num novo relacionamento ainda será a mesma e repetirá os mesmos padrões de comportamento, podendo sim vivenciar dores semelhantes. Então, se quer um futuro diferente, mude Agora! E se tiver dificuldade em olhar para aquilo que precisa ser alterado, procure ajuda! A Psicoterapia é um ótimo caminho para o autoconhecimento e transformação.

“Eu nunca vou esquecê-lo”

Realmente, não temos esse poder, ainda não está à venda uma poção do esquecimento. E sinceramente, não precisamos esquecer para superar. O que acontece em nossas vidas faz parte de quem somos. Terminar uma relação não significa que ela não tenha tido o seu valor, deu certo pelo tempo que durou. É comum que com o passar do tempo as lembranças fiquem mais amenas, mas muitas vezes não deixamos que isso aconteça naturalmente. Ficamos revivendo em pensamento o que aconteceu, realimentamos as memórias através do que pensamos. Ficamos lembrando freqüentemente sobre a relação, visualizando mentalmente o ex parceiro, entrando nas redes sociais para conferir como anda sua rotina, se tem uma namorada nova, vamos à lugares que costumávamos ir com ele, e nos lamentamos por não tê-lo ao nosso lado. Nossos assuntos com outras pessoas sempre acabam no término da relação e esse parece ser um tema do qual não nos cansamos. Bom, tenho uma notícia para você: isso ao invés do que pensa, não acalma seu coração, isso te faz entrar em sofrimento. É preciso que rompa esse ciclo. Como? Colocando novas informações no lugar dessas que te fazem relembrar o ex-parceiro. Isso não significa necessariamente encontrar um novo amor, ok? Encontre novos projetos para pensar, quem sabe uma viagem, um novo curso, passeio com as amigas, projetos com a educação dos filhos, uma nova atividade física, etc. Se permita viver outras experiências! E quando se perceber voltando à pensar, lembre-se: você está se sabotando. Então coloque seu cérebro para pensar em outras coisas. Movimente esse pensamento garota!

tumblr_lxnaoilQbD1rn4fv6o1_500

Superar não é fácil, mas é totalmente possível. Se Descubra, quantas vezes forem necessárias. Entre em novo relacionamento: Com Você Mesma! Se permita essa nova chance com você, se permita saborear as delícias do amor próprio, se permita se completar de suas verdades. E quando conseguir olhar e viver sua essência talvez possa encontrar tantos outros caminhos que será até difícil de escolher para onde ir.

🙂

Léia Faustino

Psicóloga

Anúncios